Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

ajoelhado_31
No comando: Oração de Fé

Das 00:00 as 01:00

20160216115950
No comando: Bom dia Cidade

Das 08:00 as 10:00

23518872_1111964392273953_5481204028424081408_n
No comando: Manha com a Louvai FM

Das 10:00 as 12:00

diarioweb_ouvindomusica-300x359
No comando: Tarde Feliz

Das 13:00 as 18:00

25443154_1976915825930677_8650105184329005811_n
No comando: Aguas que Curam

Das 14:30 as 15:30

nova-imagem
No comando: A Voz do Brasil

Das 19:00 as 20:00

24296757_1969898189965774_4252050662339779938_n
No comando: Culto da Familia

Das 19:00 as 22:00

foto
No comando: OS MEUS PEDIDOS NAS MAOS DE DEUS

Das 19:00 as 22:00

24294435_1968322356790024_321173736106803402_n
No comando: O Sangue de Jesus tem Poder

Das 19:30 as 22:00

1467415_1384993075080510_1447804884_n
No comando: A Hora do Estudo

Das 23:00 as 00:00

23622318_1962536417368618_6798064160753157067_n
No comando: Palavra Jovem

Das 23:00 as 00:00

324570
No comando: Debate em Foco

Das 23:00 as 01:00

nova-imagem-3
No comando: Palavra de Fé com Pastor Anderson Oliveira

Das 12:00 as 12:10

24174280_1970216433267283_4705713922212310996_n
No comando: A Tarde da Benção

Das 14:00 as 17:00

Muçulmanos ameaçam cristãos de morte dentro de campo de refugiados

Compartilhe:
estudo-biblico-no-campo-de-refugiados

Cristãos iranianos foram brutalmente atacados por muçulmanos, que os ameaçaram de morte com facas e com gasolina, em um campo de refugiados na Grécia. Dois deles ficaram gravemente feridos e foram encaminhados a um hospital.

Segundo relatou a Missão 222, que ajuda ex-muçulmanos convertidos a Cristo, as agressões ocorreram enquanto um pequeno grupo realizava um estudo bíblico no Campo de Refugiados de Koutsochero. Os iranianos vieram da Turquia para a Grécia, em busca de asilo. A presença de cristãos atraiu a atenção dos muçulmanos que vivem no local.

 estudo-biblico-no-campo-de-refugiados“Eles foram ameaçados com facas e espancados. Dois cristãos acabaram hospitalizados. As duas mulheres e duas crianças pequenas que estavam no estudo também foram ameaçadas. Gasolina foi derramada na barraca. Eles foram chamados de ‘infiéis’, enquanto os agressores os mandavam saírem do acampamento”, disse um representante do 222.Os missionários acreditam que o ataque partiu de outros iranianos. Após uma queixa formal à polícia, as vítimas foram transferidas para uma casa em outra parte da cidade. Ninguém foi responsabilizado ou preso.

Claire Evans, líder regional da International Christian Concern, que monitora a perseguição a cristãos, disse que os muçulmanos que decidem seguir a Jesus sempre enfrentam grandes riscos.

“Os ex-muçulmanos muitas vezes são rejeitados e violentamente perseguidos por seus próprios familiares e amigos, que os consideram apóstatas. Frequentemente eles precisam fugir de suas casas e começar a vida do zero em outro lugar. Não é coincidência que esses cristãos em Koutsochero tenham sido escolhidos pelos muçulmanos do local”, disse Evans.

Ela ressalta que esse não é um caso isolado e que as autoridades têm dificuldades para controlar o que ocorrem nos campos de refugiado, onde as minorias frequentemente são agredidas pelos islâmicos.

Deixe seu comentário: